quinta-feira, 25 de agosto de 2011

O sexo transcendendo as dimensões de consciência


         
        Com a elevação de consciência do planeta, que atualmente encontra-se em 5º dimensão, muitas pessoas passam a despertar, de uma forma de outra, para 4º e 5º dimensão. Como descrevi no texto anterior, é necessário não apenas para nossa evolução, mas para garantir nossa existência no planeta Terra. A vida mecânica e inconsciente da 3º dimensão só trará caos e escuridão. Porém, é necessário entender que somos de carne e osso – nosso corpo é físico, de 3º dimensão – isso precisa ficar muito claro para compreender o que vou dizer.

O que não deixa de ser 3º dimensão? Tudo o que é físico. A principal compreensão para quem se eleva para a 4º dimensão é a percepção que somos um espírito que habita um corpo físico. A outra percepção, de igual importância, é que não somos a mente e com isso, acordar do inconsciente coletivo. Portanto, o que é elevado é a consciência. Claro que ainda é cedo para falar em elevar-se em 7º e transcender a matéria.

Tratando-se de relacionamentos, grandes mudanças acontecem para pessoas que elevam sua consciência, porém, algumas coisas permanecem em 3D, como o sexo. É preciso entender que a relação sexual em nível corpo será, claro, 3D, mas a consciência do sexo é elevada (4D a 6D dependendo a evolução pessoal). A concepção de sexo em 5º dimensão é totalmente diferente.

Qual é a consciência de sexo em 3º dimensão? Toda a animalidade humana – sexo puramente carnal. Milhares de anos de repressão sexual, sexo instintivo, agressões, crenças e tabus. A sociedade atual carrega em seu DNA sutil toda a memória de séculos de animalidade – isso é refletido na sociedade atual. Sexo pervertido, traições, agressões, repressões, imaturidade e tantos outros adjetivos, o quanto forem necessários.

Nesse sentido, o homem é muito menos evoluído que a mulher. Atualmente isso é tão claro, que muitos acham comum e perfeitamente normal. O homem é um animal quase irracional. Todos conhecem a expressão: “pensa com a cabeça de baixo” – isso é real. A consciência de um homem em 3º dimensão remete a um passado muito remoto, onde a missão básica da espécie era a reprodução (como é observado entre animais).

Quando a sociedade passou a existir, muitas “regras” foram instauradas. As religiões são grandes responsáveis por isso. Como diz Osho: “o dia que as prostitutas desaparecerem, desaparecerá os sacerdotes”. A morte e o sexo foram condenados pela sociedade e isso causou uma doença no planeta inteiro. A negação disto levou o homem a tornar-se um ser inferior a um animal. O animal é instintivo – o sexo é natural – ele não está julgando nem fantasiando; apenas cumpre seu dever instintivo. Já o homem foi enjaulado, proibido e, por ser um ser consciente (que possui cérebro desenvolvido), tornou-se perverso – sua mente contaminou-se por raiva e repressão. Muitos homens carregam até hoje um fardo de memórias de tentações, de traição, de agressão. Reinados, sociedades e famílias foram arruinadas por disputas sexuais. Sem falar em pessoas tão pervertidas e doentes a ponto de violentar sexualmente seus próprios filhos (isso ainda acontece nos dias de hoje).

Já as mulheres têm uma história diferente. Por serem naturalmente amorosas e intuitivas, sempre foram mais evoluídas que os homens. Infelizmente muitas mulheres nos dias de hoje carregam um pesado fardo de memórias de abuso, repressão e agressão. A mulher sempre foi inferiorizada, excluída e proibida. Até mesmo nos dias de hoje ainda vemos mulheres que são controladas pelos seus homens, que pensam que mulher é um ser inferior, que tem que apenas cuidar da casa, dos filhos e fazer sexo quando ele tiver vontade. Com isso, muitas crenças e tabus concernem uma vida limitada e inconsciente a muitas mulheres.

O reflexo de tudo isso é visível na sociedade. O sexo tornou-se banal. A revolta inconsciente está acontecendo – o caos está presente. Para criação de algo novo, o caos é necessário. Percebe-se que atualmente os relacionamentos estão em crise. O velho não tem mais espaço. Relacionamentos baseados em controle não resistem mais. O velho modelo de casamento está desaparecendo. Atualmente muitas mulheres e talvez alguns homens escolham estar sós do que mal acompanhados. O medo está presente – é algo desconhecido para todos – “amor e liberdade”, ao mesmo tempo.

Osho, um dos maiores mestres já existentes na Terra, já falava sobre tudo isso que estou aqui lhes dizendo, nos anos 70 (eu nem era nascido) – ele acabou morrendo envenenado em 1990. Ele já previa o caos na qual nos encontramos, mas o ocidente o condenou. Hoje muitas pessoas sofrem e se fecham porque desconhecem ou temem o amor – não entendem que amor só existe dentro de nós e que só pode ser compartilhado em total liberdade (confira os textos da série relacionamentos neste blog).

A pessoa que toma consciência da 4º dimensão percebe tudo isso com clareza. Mas para elevar-se para a 5º dimensão é necessário purificar-se espiritualmente. As memórias antigas precisam ser superadas e apagadas. Para nos darmos conta que “somos o mundo”, precisamos abandonar a mente e todo o lixo que ela carrega. À medida que vamos evoluindo e expandindo a consciência, a forma de ver o mundo e, especificamente o sexo, muda completamente.

O sexo visto de 5D é algo puro e espontâneo. Para que possam compreender melhor, vou falar das dimensões mais elevadas, como 18º dimensão. Nesta dimensão você visualiza uma luz dourada. Conseguindo olhar mais a fundo, há duas formas de luz que se fundem e, a partir delas, cria-se algo. O Universo todo é dual – a energia criadora é dual – é Ying e Yang. Portanto, não existe neutralidade. Em qualquer parte sempre haverá Ying ou Yang evidenciados. Nas dimensões inferiores podemos chamar isso de sexo. As forças masculinas e femininas se atraem, naturalmente, como qualquer manifestação em todo o Universo. Nossas almas habitam um corpo físico de 3D – não podemos ignorar isso. Você pode estar elevado em 5D ou 6D, mas enquanto estiver habitando corpo físico, o sexo é carnal. O que precisa ser compreendido é que o sexo foi contaminado pela mente humana. Criaram-se tabus, repressões e, agora, mais que nunca, precisam ser superados para que aja evolução da raça humana.

O tantra é a forma mais simples de compreender tudo isso. Quando percebemos que tantra é amor, que o sexo em amor é a manifestação de Deus e que somos Deus, então nos iluminamos e elevamos nossa consciência. Osho diz: “o sexo é o caminho para Deus”. Tudo que vemos ao nosso redor, incluindo a nós mesmos, é Deus. A manifestação do divino é sempre contínua – é uma constante transformação e criação. O sexo é a manifestação do amor divino na 3D ou no primeiro chakra. É perceber o quanto belo e sábio é o Grande Mistério.

Em 7ª dimensão você pode ter experiências sexuais sem tocar a outra pessoa. Seria homem e mulher em conexão, num estado meditativo elevado, sentindo um ao outro de uma forma única – algo incompreensível para a mente humana de 3D. É algo muito interessante e que nos libertaria completamente do corpo, o que significa que todo esse apego doentio  de culto ao corpo físico, retardo de envelhecimento, Viagra – tudo isso é desnecessário.

Com tudo isso fica muito claro o tamanho da ignorância de nossa sociedade. Raiva, ódio, ciúmes, perversão, controle e medo – esse último talvez fonte de todos os outros. Os relacionamentos da sociedade atual são ultrapassados e imaturos – pessoas que desconhecem a si mesmas. É preciso abrir os olhos, expandir a consciência e perceber que ninguém é de ninguém, que amor é interior, que tudo o que sentimos e nos acontece é de nossa inteira responsabilidade. Sexo é natural e espontâneo. Não é sinônimo de apego, cobrança, ódio e dor. É a união das energias divinas – é a manifestação de Deus aqui na Terra.

A nossa evolução de consciência nada mais é que a libertação da mente e de todas as crenças que carregamos, seja a respeito de sexo ou não. Permita se entregar à Existência – seja um ser consciente de si mesmo – busque a si mesmo! Compreenda que sexo é uma palavra dada à energia criadora aqui na 3º dimensão e que todos os conceitos e pré-conceitos a respeito são apenas crenças e tabus criados pela sociedade – você não precisa mais disso – seja livre, espontâneo e amoroso. Viva no aqui e agora, sem julgamentos, apenas sentindo e se entregando ao amor que o divino disponibiliza a você!

Vinicius Casagrande Fornasier

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

As dimensões de consciência



        Estamos cada vez mais próximos do grande despertar de consciência, que será a nova realidade para os próximos anos e, com auge de mudança a partir de 21 de dezembro de 2012. O objetivo deste texto é justamente transmitir quais as mudanças de consciência acontecerão e como despertar para isso.
            Primeiro passo a ser compreendido é que as mudanças no planeta e em nossa consciência já estão acontecendo há, aproximadamente, 24 anos, porém muito intensificadas nos últimos anos e muito fortes até final de 2012. Então entenda que não será o fim do mundo e nem haverá “pirotecnias”. Todas as mudanças necessárias já estão acontecendo.

Infelizmente, devido à maior parte dos seres humanos na Terra continuarem insistindo em viver de forma inconsciente, ou melhor, em 3º dimensão, muita “sujeira” ainda precisa ser limpa para que o planeta possa dar esse salto de consciência (para 5º e 6º dimensão). Como isso não depende de nós humanos, a resposta é todos os desastres naturais que vem acontecendo e que ainda irão acontecer até final de 2012. A cada desastre com mortes em massa, há uma grande transmutação de energia negativa. Lamentavelmente, muitas pessoas inocentes têm que pagar por isso. Cada pessoa morta, boa ou não, transmuta muita energia e ajuda na limpeza do planeta.

Atualmente muitas pessoas aqui na Terra e outros seres de várias dimensões, formam o que chamamos de “Guerreiros de Luz”. São pessoas e seres que trabalham para minimizar os efeitos destrutivos em nosso planeta. São pessoas que trabalham para expandir o Amor Universal e trazer consciência às pessoas aqui na Terra. Isso se manifesta em todos os sentidos. Desastres, mortes, crises financeiras, amorosas e pessoais são os meios de despertar do inconsciente coletivo e acordar para a realidade da 4º dimensão.

Na 4º dimensão a pessoa sente as seguintes mudanças:
·         Desperta da ilusão da “Matrix” e percebe que a vida não se resume a simplesmente viver de forma robotizada.
·         Se conta do pensamento coletivo que o leva a crenças e pensamentos limitantes criados pelo coletivo.
·         Pode estar percebendo, vendo, ouvindo ou sentindo energias. Isso se reflete em visões de aura, mudanças energéticas na troca de ambiente (sente), sente as pessoas que são negativas e percebe que existem ondas energéticas invisíveis.
·         Desperta para o real amor. Esse é um dos principais sintomas e que é a chave necessária para se elevar para a 5º dimensão. A pessoa descobre o Amor Universal e se conta que não existe diferença em amar sua mãe, namorada, tia, vizinho, cachorro, árvore – é simplesmente amor – simples e sutil.
·         O despertar do amor em 4º dimensão é seguido por ondas no chakra cardíaco – dores, emoções fortes, percepção do sexo pelo ponto de vista do amor.
·         A pessoa se dá conta que não é a mente e sim um espírito que possui um corpo dotado de cérebro.
·         Encontra a paz e percebe a ignorância em agredir qualquer ser.
·         Curas sutis da alma – harmonizações de chakras.
·         Percepção do Eu Superior.
·         Despertar da intuição.

Atualmente o nosso planeta já está em 5º dimensão e muitas pessoas já se encontram nessa vibração. O que estou relatando aqui é minha própria percepção dessas dimensões, que há anos, venho buscando entender e que agora está muito claro.

Em 5º dimensão os sintomas ou percepções do mundo são as seguintes:
·         Amor incondicional a todas as coisas.
·         Forte compreensão do ego. Isso significa se libertar ou ter consciência da ignorância do ego. Nessa dimensão não há julgamento, não há raiva, nem ódio, nem inveja.
·         A pessoa compreende que faz parte do mundo e de um sistema maior que o planeta.
·         Compreende e diferencia as energias sutis, percebendo que faz parte do processo de criação, o significa perceber que faz parte do que chamamos de “Deus”.
·         Paz profunda e compreensão do resultado de atingir qualquer ser – desde matar uma formiga a cortar uma árvore.
·         Gratidão pela perfeição do Universo.
·         Nesta dimensão torna-se possível realizar curas além da mente e do tempo. Liberação de energias aprisionadas, limpezas profundas da alma, integração da alma.
·         Forte entendimento das energias do corpo (chakras), o que influencia e muito na compreensão da morte e do sexo. O sexo deixa de ser banal e se torna um ato espiritual. A morte não é encarada com medo ou tristeza, mas sim, com alegria por concluir mais uma fase de aprendizado em um corpo físico.
·         Total compreensão e acesso ao Eu Superior.
·         Intuição profunda e clara.

Porém, não termina por aí. A 6º dimensão já é acessível para quem atinge esta vibração. Na 6º dimensão ultrapassamos praticamente todas as barreiras do corpo físico e isso significa a cura total deste corpo a ponto de tornar-se obsoleto – significa sair do corpo conscientemente. Outros aspectos da 6º dimensão:
·         Compreensão do “multiverso” – significa acessar dimensões superiores e compreender o funcionamento dos vários Universos possíveis.
·         A cura toma dimensões incompreensíveis para a mente. É possível realizar cirurgias espirituais avançadas (não através de outros seres como acontece com alguns médiuns), acesso a informações da alma, como missão de vida, acesso total ao Eu superior e transcendendo para dimensões espirituais mais elevadas, onde é possível acessar informações primordiais, métodos de cura, telepatia e outros.
·         A medicina tradicional desaparecerá. Não haverá doenças físicas.
·         Entendimento profundo das ações da 3º dimensão. É tornar-se responsável por cada ato e a conseqüência em cadeia que isso causa. É, na realidade, ter consciência da teia de vida. Você toma uma decisão e isso influencia tudo ao seu redor. Em sexta dimensão você pode visualizar tudo isso.
·         Intuição avançada.
·         Nesta dimensão não há ego – a mente é desnecessária – existe amor profundo apenas.

Em 7º dimensão transcendemos a matéria. É um nível de luz. Nesta dimensão é possível o tele transporte, forte telepatia e o corpo físico não é necessário – na verdade em 7º dimensão será possível materializar-se onde e quando quisermos.  Já existem pessoas (poucas) na Terra nesta dimensão que estão aqui para auxiliar os demais no despertar e auxiliar nesse processo de mudança que nos encontramos. Não sei ao certo quantos anos levaremos para atingir este nível de consciência.

Na 8º dimensão encontram-se seres de luz como arcanjos, curadores iluminados e outros seres de luz – como no caso anterior – alguns presentes (em carne e osso) aqui no planeta para nos ajudar.

Na 9º dimensão estão os mestres espirituais, seres de muita luz.

A Deeksha, energia divina do despertar, que é doada hoje em muitos lugares no planeta (inclusive em Bento Gonçalves), vem da 11º dimensão.

Jesus Cristo está acima da 18º dimensão – ele praticamente é uno ao Grande Criador ou Deus. Apenas luz e amor profundo.

O planeta Terra poderá, em alguns milhares de anos, atingir a 12º dimensão, no máximo.

Todos perguntam o que seria 1º e 2º dimensão. A 1º dimensão é o centro da Terra, é o núcleo de ferro cristalino que gera as ondas eletromagnéticas fixando nosso planeta ao Sistema Solar e que faz com que exista a gravidade. A 2º dimensão é a que vem logo após o centro cristalino, que vira em freqüência maior e torna-se sólida. 3º dimensão é quando a matéria toma forma definida e visível em espectro de luz. Portanto, as freqüências acima da 3º dimensão são invisíveis ao nosso olho físico.

Quando o planeta e as pessoas que nele vivem entrarem em 5º e 6º dimensão, haverá paz mundial. Tudo o que acontece hoje é necessário para se chegar a isso. Para minimizar os danos e o caos, faça sua parte – acorde para a vida! Não é preciso grandes feitos – comece amando seus familiares, dissolvendo mágoas do passado e vivendo o aqui e agora – passe a ter consciência da sua vida, desde seu corpo até seu espírito – respeite a si mesmo e aos outros e, assim, poderemos fazer essa mudança de era de forma mais tranqüila e harmoniosa.

Vinícius Casagrande Fornasier

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Espiritualidade e amor: uma sutil conexão


Inspirado em um comentário que ouvi esta semana sobre espiritualidade e amor, quero aproveitar para estender ainda mais o que penso sobre o assunto.

            Atualmente a espiritualidade é algo que está cada vez mais próximo das pessoas, de uma forma ou de outra. Mas o que é espiritualidade?

            A forma mais simples de expressar espiritualidade é defini-la como: a ligação com o Ser Interior. Quando você está intimamente ligado ao seu Ser, que podemos chamar eu Eu interior, espírito, self e outros termos que são utilizados, então você descobre a divindade dentro de você, você acessa um mundo de possibilidades que o Universo dispõe para você. Mas como sabemos se somos conectados a isso? É preciso em primeiro lugar sentir. Não é algo que a mente possa dizer, pois não é lógico – é intangível, assim como o Amor.

O comentário que ouvi foi relativo a uma pessoa que não acredita em espiritualidade, não acredita em terapias holísticas e tudo que não pode ser comprovado cientificamente. Vale lembrar que eu mesmo passei por essa experiência cética antes de conhecer o mundo da espiritualidade. É uma tendência muito forte para quem tem formação em ciências exatas. É claro que existe uma série de fatores que promovem esse “bloqueio” nas pessoas, mas não é o objetivo falar sobre isso. Então o argumento que a pessoa encontrou para explicar como é possível acreditar na espiritualidade foi: “você ama sua filha?” E a resposta óbvia foi: “sim amo!” E então, foi-lhe perguntado: “mas como você define e mede esse amor por ela?”

É claro que a pessoa ficou sem palavras. Qualquer resposta lógica prova que a pessoa desconhece por completo o amor. Não há como definir ou medir o amor. Você não ama mais ou menos. Ou existe amor, ou não existe. Amor é algo que só pode ser sentido, ele está aí, você não o vê, mas você sabe que ele existe. E quando você acredita nesse verdadeiro amor, que é invisível, você então acredita em Deus, que também podemos chamar de várias formas como: Grande Mistério, Existência, Unidade, Universo e outros mais.

É ignorância pensar que podemos definir tudo mentalmente. Somos uma simples espécie em meio a outras milhões, num planeta que é uma estrela entre bilhões na Via Láctea – uma galáxia entre outras 200 bilhões em nosso universo, que atualmente a física quântica não acredita mais em universo, mas sim “multiverso” – que explica que somos um entre outros universos “possíveis” e, com a tendência a “desaparecer”. Então se realmente “Deus” criou o Universo, que belo custo-benefício criar tantas estrelas para que exista o ser humano, num planeta minúsculo como o nosso não?

Como podemos pensar que somos os donos da verdade diante de tudo isso? Como podemos pensar que somos o único planeta com vida em tantos outros universos possíveis? E você ainda tem dúvida em acreditar na intangibilidade do amor, da espiritualidade? Como podemos pensar que fomos “atirados” aqui neste planeta para “lutar” (pois muitos acreditam que a vida é uma luta) e, que a vida se resume em trabalhar para construir uma casa e criar os filhos? É realmente ignorância.

Somos sim pequenos diante do Universo, mas não podemos esquecer que fazemos parte dele. Somos uma peça necessária para a existência de tudo isso. Cada um de nós é único e necessário para a família, sociedade, nação, planeta, sistema solar, galáxia e para o Universo. Afirmo com segurança e certeza: quando nos encontramos dentro de nós e sentimos essa conexão amorosa com o Todo, acessamos um mundo de possibilidades infindáveis. Podemos acessar cura, abundância, amor, enfim, tudo o que quisermos. O Universo é ecológico, nada acontece por acaso. Você não está aqui à toa, portanto comece acreditando e descobrindo o amor dentro de você e então você perceberá a grandeza de Deus dentro de você!

Vinícius Casagrande Fornasier

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Grandes mudanças você pode agora!

      Após o último encontro com meu mestre, Rowland Anton Barkley, muitas mudanças aconteceram em minha vida e novas percepções de realidade vieram à tona. A abordagem terapêutica é tão incrível que merece um texto sobre o assunto.                  
O primeiro ponto a ser compreendido é que somos corpo, espírito e alma. Em muitos artigos já expliquei claramente que somos um espírito que possui um corpo. A partir desta simples percepção pode-se trabalhar com grandes mudanças de forma muito rápida. 

Sabe-se que a maioria dos problemas físicos, desde uma simples dor de cabeça até um câncer, nada mais é que uma somatização de emoções ou pensamentos negativos. Como exemplo posso citar a ansiedade, que é sentida principalmente no plexo solar (poder pessoal), na região do estômago. Quando a ansiedade é algo permanente, dia após dia, então problemas relacionados ao estômago podem surgir. Aprofundando esse assunto, pode-se escrever um livro.

Cada doença é, portanto, representada por algum tipo de desequilíbrio psicológico. Logo, quando tratamos de comportamentos, de relacionamentos e atitudes a expressão do corpo pode dizer muito sem a pessoa falar nada. Isso é muito claro quando você cumprimenta e abraça uma pessoa. A pessoa com baixa estima não tem olhar fixo, costuma desviar e olhar para baixo, assim como uma pessoa fechada emocionalmente não consegue abraçar – não consegue se entregar ao contato físico.

Tudo isso é muito simples! Você não está bem com algo, logo seu corpo demonstra tal desequilíbrio de alguma forma. Quando você não gosta de alguém – aquele “alguém que te suga e te incomoda” – é perceptível como o seu corpo reage a essa percepção do outro. A pessoa “sugadora” também tem uma expressão corporal característica. O incrível é que você pode simplesmente mudar sua postura corporal e, assim, realizar uma total mudança em relação a isso.

Compreenda assim: seu espírito está agitado e seu corpo não, então você não é capaz de focar sua atenção no Agora. Você se sente psicologicamente estressado, com muitas coisas enroladas e não consegue dar conta do recado, a gripe surge. Você se sente culpado, repreendido, vive no passado? Provavelmente seu intestino está preso. Você tem raiva de alguém? Como seu corpo expressa isso? Você tem medo de algo? Como seu corpo reage a isso?

É importante compreender que as percepções do espírito são diferentes do corpo. Os desequilíbrios entre corpo e espírito geram conflitos que acarretam em diferentes problemas de ordem física e psicológica. Agora você imagine algo vindo de uma percepção de um feto na barriga da mãe que se estende ao longo de 10, 20 ou 50 anos; no que resulta isso? No que resulta uma rejeição paterna ao longo de 40 anos? No que resulta uma agressão sexual em uma criança após 30 anos?

Tudo isso fica enraizado. O corpo acaba criando defesas para isso. A vida é uma luta? É perigoso viver, respirar e se relacionar? É preciso trabalhar arduamente para ter algo? O que você realmente precisa? Quem é você? Pode ser que você seja o resultado de uma “armadura” criada a partir do acúmulo de inúmeras crenças ao longo da vida. Quem disse que pelo fato de você ser adulto não pode arriscar, sorrir, brincar, abraçar, amar, chorar e confiar? Não é tudo uma ilusão?

A abordagem tanto do Renascimento, quanto da terapia xamânica é de mudança corporal. Se você tem algo que lhe incomoda há muito tempo, então esse algo não está apenas na memória do espírito, mas também registrado quimicamente no corpo. Uma simples abordagem psicológica, que trata apenas do sintoma não surtirá efeito. A abordagem psiquiátrica através de remédios “encobrirá” o sintoma, mas a causa continuará lá – você apenas suprime mais e mais.

O Renascimento cura através da respiração. A respiração é a chave da vida. Quando você permite que seu corpo todo “respire”, você promove uma “limpeza” dos registros negativos acumulados no seu corpo. A terapia da respiração consciente é a mais bela forma de você encontrar a si mesmo – você apenas tem que respirar! Ao mesmo tempo em que é simples é também muito profundo. Tudo aquilo que posso falar sobre renascimento é pouco diante das mudanças que uma pessoa faz em sua vida.

Na terapia xamânica ocorre da mesma forma, a respiração é a chave para desbloquear problemas. Porém, a forma de trabalho é pela observação corporal, PNL, mudança de postura, e compreensão do corpo e espírito a partir da alma. A alma nada mais é que seu Ser puro, sem qualquer crença atrelada. Na percepção da alma (Eu Superior) você encontra a resposta para tudo, você acessa sua missão de vida. 

A visão do mestre Rowland é profunda e simples ao mesmo tempo. Se você sofreu um trauma que levou 10 segundos para acontecer, como pode fazer anos de terapia para tentar resolvê-lo? A mudança só poderá acontecer na mesma velocidade que foi criada! Essa percepção é tão simples que é difícil para nossa mente compreender. Imagine algo simples como uma pedra caindo no seu pé. Você se machuca e passado uma semana, lá continua a dor no seu pé. A cura disto acontece quando você acessa na mesma velocidade que aconteceu, porém desfazendo o a energia disto um segundo antes. É claro que isso é um exemplo. Mas quando se trata de um trauma de infância, por exemplo, então através de uma regressão ou “cura holográfica na linha do tempo”, você pode olhar através dos olhos das pessoas envolvidas e compreender através do “Eu Superior”, mudando sua percepção do acontecido. É necessário perdoar sim. Mas quando você analisa a situação de outro ponto de vista, percebe que tudo é insignificante ou ilusório.

Tudo isso acontece graças a essas sutis percepções do corpo, espírito e alma. Nós humanos somos capazes de acessar inúmeras dimensões. Somos habituados a nossa 3º dimensão, a física, porém, quando nos deslocamos para as muitas dimensões existentes, as possibilidades são grandiosas, ou talvez infinitas. Nosso planeta se encaminha para grandes mudanças que só serão percebidas para quem puder acessar essas sutis dimensões.

A libertação do físico é possível quando, em primeiro lugar, você compreende não ser apenas um corpo e, em segundo, a real compreensão do amor. Quanto mais você acessa o amor que se encontra dentro de você, mais profundo você irá à sua busca e mais iluminado você será.

            Somos seres únicos, com uma missão em comum, o amor incondicional a todas as coisas e, estamos tão brevemente aqui neste planeta, quanto esperar numa sala de espera da estação de trem. E como diz Osho: “e criamos tanta confusão [...] e quando percebemos o trem chegou e você se vai”.
           
          E por isso digo a você: tudo é possível! Existe algo? Você quer? Mude agora!

Vinícius Casagrande Fornasier



terça-feira, 21 de junho de 2011

Terapia Xamânica



O objetivo deste artigo é explicar como funciona a abordagem xamânica nos diversos processos de cura e/ou terapia.

Desde os mais remotos tempos da humanidade, no paleolítico (40 a 50 mil anos atrás), o conhecimento dos mais diversos rituais de cura sempre foi presente em tribos indígenas. O profundo respeito pela natureza e compreensão das mais variadas energias, tais como: plantas, animais, pedras e elementos, permitem o acesso às mais variadas formas de cura. O conhecimento indígena não diz respeito apenas à espiritualidade, mas sim, processos medicinais.

Podemos dividir o atual xamanismo em 2 partes: o tradicional, que segue as tradições e rituais dos nativos e o neo-xamanismo, que se adapta à nossa realidade urbana, atuando em terapias direcionadas, usando o conhecimento ancestral. O que explicarei aqui são justamente os processos de terapia e cura do neo-xamanismo, nos quais atuo.

A primeira vez que tive contato com o xamanismo foi em 2005, numa jornada de medicina xamânica com tambor. Para mim era tudo muito novo. Eu estava em treinamento no renascimento e também já iniciado no mestrado no Reiki. Então esta jornada começou pelo resgate do animal de poder. Incrivelmente o som do tambor me levava para a natureza, visualizando em minha mente uma longa jornada por uma trilha sem fim, onde meu animal de poder me guiava e conduzia para os mais remotos lugares, acessando dimensões de cura e compreensão.

Ao final deste mesmo ano, tive meu primeiro contato com meu atual mestre xamã e PNL Trainer: Rowland Anton Barkley, da Austrália. Rowland é um grande mestre que possui um profundo conhecimento das mais variadas formas de cura, acessando os mais variados elementos da natureza, arquétipos e forças ancestrais. Durante 2006 fiz a formação no nível praticante em liberação energética e também um curso avançado de terapia de cura holográfica na linha do tempo. Estive recentemente com Rowland aprofundando meu conhecimento. Também agradeço aqui a toda contribuição e ensinamentos dos meus terapeutas e mestres xamãs Márcia e Vitor, de Porto Alegre, nos últimos 4 anos.

Através da terapia xamânica, podemos acessar as mais diversas curas de maneira rápida, desde que haja total entrega e vontade de se curar. Xamanismo é sinônimo de respeito pela Terra. Quanto mais nos conectamos ao amor da Mãe Terra, maior nosso merecimento e mais recebemos. A Medicina da Terra é derivada de conhecimentos medicinais passados pelos ancestrais que são honrados por aqueles que recebem a iniciação.

Como funciona a terapia xamânica?

O primeiro ponto a compreender é que devemos resgatar nosso poder pessoal. Somos seres terrenos perfeitos e nosso equilíbrio depende apenas de nossa conexão com a Terra. Se observarmos a natureza, perceberemos como ela é perfeita. O que nos torna imperfeitos é nossa mente, nosso ego.




No xamanismo os animais protegem o xamã. Acredita-se que o xamã pode assumir uma espécie de metamorfose, incorporando o poder animal, que o conduz instintivamente de acordo com as habilidades desde animal, podendo acessar aquele que for necessário para sua jornada de cura.

 Um dos primeiros passos na terapia xamânica é conhecer o seu animal de poder. Cada animal possui uma consciência e percepção distinta das coisas, possui um dom específico ou uma essência espiritual, com sua sabedoria específica e com sua própria medicina.  Logo, temos um animal que tem uma maior ligação com nossa personalidade e nossas necessidades de cura.

Essa busca é feita através do som do tambor. Quando o tambor é tocado e nos encontramos relaxados e em conexão com o som da Terra, logo vivemos uma espécie de “sonho” consciente. O tambor nos leva a um estado alterado em questão de segundos e vivemos o que chamamos de “jornada xamânica”. Na jornada, nos inserimos profundamente na natureza, percorrendo rapidamente os mais variados lugares. Quando o objetivo é buscar o animal de poder, então buscamos nos aproximar ou aguardar a aproximação do animal que faz o contato conosco.

Uma vez resgatado o animal de poder, faz-se a integração e cura da relação e até do animal, muitas vezes ferido, pela desconexão da pessoa a ele, assim como por estar tão ferido como a pessoa está no momento.

As jornadas de medicina também podem ser feitas através de jornadas xamânicas com o tambor. Com o auxílio do animal de poder, somos conduzidos a dimensões de cura, onde muitas vezes podemos receber uma profunda compreensão de certos acontecimentos de nossas vidas e nos curarmos em muitos níveis, resgatando assim, nosso poder pessoal.

A compreensão terapêutica no xamanismo ainda vai muito além, podendo-se realizar curas remotas (à distância), limpeza energética, liberação de padrões de comportamento, exorcismo, resgate de alma e muito mais.

No regaste de alma, por exemplo, você pode curar antigas feridas causadas em relacionamentos ou ainda resolver situações onde a pessoa já partiu (morreu), libertando-se completamente.

Todas as abordagens são simples, rápidas e liberadoras. Tudo depende do preparo da pessoa para grandes mudanças. Isso significa simplesmente entrega. Não é necessário conhecimento prévio.


Atualmente, tanto em terapia individual ou em grupo, venho unindo a terapia do renascimento com a xamânica, com ótimos resultados.

No xamanismo também há a compreensão do corpo físico e a importância da respiração nos processos de liberação energética (curas de traumas e liberação de padrões de comportamento). A respiração é chave para a libertação de certas coisas que estão enraizadas no corpo e o renascimento, portanto, tem total importância no processo terapêutico.

Xamanismo é conexão, respeito e amor à Mãe Terra. É o encontro consigo mesmo na comunidade terrena e universal. Xamanismo é honrar todo conhecimento ancestral que nos é concebido e que nos cura de acordo com nossa gratidão e humildade. 


Ahow!


Vinícius Casagrande Fornasier

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Tantra: o encontro com você


Hoje falarei sobre o Tantra, palavra do sânscrito, que significa “caminho”. É importante primeiramente dizer que Tantra não é terapia, nem crença, religião ou um método para alcançar algo. Relatarei minha experiência pessoal no Tantra e do recente grupo de Tantra que aconteceu na Pousada Fornasier, entre 29 de abril e 1 de maio de 2011, com a presença da mestra kimaya e também da facilitadora e coadjuvante Ma Bodhy Premal.

Tantra é algo a ser vivenciado. É um caminho para a descoberta de nosso corpo. Tantra também pode ser sinônimo de transformação ou mutação. No Tantra você compreende seu corpo e o transcende.

“Para o Tantra, vivencie: não há outro conhecimento.” (OSHO)

Particularmente descobri o Tantra em 2005, com minha mestra Ma Bodhy Premal, a qual me concedeu muitos ensinamentos, como o Reiki (da linhagem original Usui), o tarô e principalmente todo conhecimento referente ao meu mestre espiritual Osho (meditações dinâmicas). Nesta mesma época, devido à intensidade de minha transformação espiritual, um aspecto ficou muito confuso em minha vida: o sexo.

Devido à magnitude da elevação espiritual que obtive em 2005, certo desequilíbrio tornou-se presente em mim. Costumo usar os sinônimos “terra e céu” para diferenciar a energia da Terra do Universo (Cosmo, Divino). Eu estava demasiadamente “céu”, então passei a não aceitar a forma que a sociedade vive – tornou-se difícil “viver” aqui na Terra. Quando você compreende o mundo espiritual, o mundo terreno se torna um inferno. E em minha percepção naquele momento, o sexo parecia ir contra a espiritualidade. Era confuso. Acabei rompendo um relacionamento na época e fiquei sozinho por alguns meses. Então no final daquele ano, numa consulta com a Premal, relatei sobre esses pensamentos e a resposta foi uma longa risada! Foi então que comecei a ler sobre o Tantra (Osho) e fiz 21 dias de meditação Kundalini (Osho). Passado pouco tempo, a compreensão aconteceu em um relacionamento iluminado que tive. Finalmente havia compreendido o que significava “transcender o sexo”, como Osho descreve nos livros.

A sexualidade é a maior manifestação energética de nosso corpo. Ela encontra-se basicamente ligada ao 1º Chakra (base da coluna e órgãos sexuais) e o elemento é terra. O 1º chakra é simplesmente responsável por nascemos e morrermos – é nossa fonte de energia primordial, também conhecida como Kundalini. É importante entender que a essa energia deveria naturalmente circular por todos os chakras, chegando ao topo da cabeça (7º chakra) e transbordando. Quando isso acontece, nos iluminamos.



A Kundalini é uma energia muito poderosa. Alguns relatos que recordo ler em livros sobre o assunto dizem que, a manifestação ou “o despertar” da Kundalini em processos de transformação espiritual, manifestava-se de uma forma violenta, a ponto de a pessoa ficar doente e insana. A repressão da sociedade, relativa ao sexo, sempre foi muito presente. De geração em geração essa repressão deu origem a crenças e tabus muito fortes, que geram o bloqueio da Kundalini. A pessoa que possui esse tipo de bloqueio tem pouca energia, não demonstra vitalidade, adoece facilmente, vive uma vida amarga e sem prazer.

As práticas utilizadas num curso de Tantra são basicamente respiração, meditação e dança. Para você vivenciar o Tantra é preciso liberar toda a repressão e supressão. A Kundalini precisa ser despertada. Quando falo em respiração, falo em Renascimento. A respiração do renascimento também cura e libera traumas, crenças e tabus referentes à sexualidade. Uma das mais importantes meditações para isso é a Kundalini meditation – uma técnica de meditação dinâmica de Osho que utiliza de movimento (tremor), dança e silêncio. Todas as demais meditações dinâmicas de Osho levam à compreensão e consciência do corpo. A dança nada mais é que movimento. Quando soltamos o corpo e permitimos que se expresse livremente, a Kundalini se move e sentimo-nos vivos, sentimos intensidade e amorosidade.

O importante a ser compreendido é que não há como se iluminar sem transcender o sexo. A conexão com o Divino acontece através do chakra coronário (7º). Para que possamos entrar em contato com essa energia é necessário que os chakras estejam abertos e que a Kundalini circule. Se reprimirmos ou suprimimos o sexo, automaticamente nos bloqueamos para Deus. A porta de entrada para o paraíso de Deus é o sexo. Você só descobrirá isso transcendendo o sexo e quando acontecer, perceberá que na verdade somos Deus, somos criadores e que não somos algo separado de Deus.

O sexo é natural e encontra-se por toda parte. Você vê sexo entre árvores, flores, animais e nem por isso julga como algo estranho. A vida na Terra depende de sexo. Sexo é vida.

Quando isso for superado, então podemos atingir o chamado Samadhi. Significa “orgasmo cósmico”. É um estado profundo de prazer e de religiosidade – é o contato direto com Divino que está dentro de nós. É possível chegar ao Samadhi através da meditação.

Tantra é a compreensão do sexo, mas não é uma forma de relacionamento sexual. Há quem pense, que nada mais é que uma técnica para prolongar o orgasmo. Os resultados para quem busca autoconhecimento e iluminação incluem, dentro da linha do Tantra, benefícios para a sexualidade. Tantra é ser presente no aqui e agora. É viver intensamente e conscientemente. É reconhecer que somos divinos e maravilhosos. É ter consciência do corporal. Tantra é um estado de não-mente.

O tantra realmente amplia a qualidade do sexo. É muito simples. As pessoas normalmente são muito mentais e, portanto, visuais. É preciso sentir. No Tantra adquirimos maestria do corpo – uma consciência profunda de tudo que sentimos. Quando abandonamos a mente e apenas sentimos, imediatamente entramos em um estado profundo de prazer e consciência. No caso do homem, a ejaculação não é mais um objetivo e sim uma opção, pois o prazer em sentir é enorme. Para a mulher significa entrar em constante estado de orgasmo ou orgasmos múltiplos.

A vivência “Tantra I” com Kimaya foi realmente uma oportunidade de cristalizar o amor dentro de mim e poder assim, ampliar o autoconhecimento. É uma vivência extremamente recomendada para casais e mulheres. Para casais, pois reaviva completamente a relação, tornando ambos muito mais amorosos e donos de si mesmos. Significa a consciência individual de cada um e a consciência que os dois são um espelho um do outro. Melhora a qualidade da relação em todos os sentidos. Segundo Kimaya, o Tantra é recomendado para mulheres, pois devido a toda repressão ao longo das gerações, muitos tabus e crenças foram enraizados e é preciso libertar-se para viver em amor, paz e harmonia.

Tantra é amor. E o amor só é encontrado dentro de nós. Você reconhece o Divino dentro de você. O Tantra amplia a compaixão, o cuidado, o carinho com você e com o planeta. Celebre a vida, viva o Tantra! Eu recomendo!

Vinicius Casagrande Fornasier



Sobre Kimaya
Kimaya é brasileira residindo no exterior há 20 anos. Formada e treinada em experiências humanistas mais amplas incluindo tradições modernas e antigas na arte da cura, liderando grupos na Multiversity de Pune, Índia. Vem ministrando regularmente seus treinamentos e cursos em diferentes países da América, Europa e Ásia, como, Alemanha, Itália, Índia, Canadá, Ucrânia, México, China, Grécia, Espanha e Turquia. É seu primeiro retorno ao Brasil desde então.





Leituras recomendadas: OSHO. Tantra: a suprema compreensão
                                        OSHO: Relacionamento, amor e liberdade


Sobre Chakras: Assista a sequência:
http://www.youtube.com/watch?v=gEFM6QT0vzU (1)
http://www.youtube.com/watch?v=nEU7pE8zeAc&feature=related
http://www.youtube.com/watch?v=6I0U-9fo1P0&feature=related