segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

O maior presente para sua vida – O Aqui e Agora

Movido pelas minhas experiências, conhecimento e reflexões da realidade cotidiana, falarei um pouco sobre “o Aqui e Agora”, o estado de Ser consciente.

Vejo muitas pessoas que adoram se lamentar o tempo todo, que vivem do passado, vivem do medo, vivem das incertezas, que fazem previsões para o futuro, baseado em todo esse lixo mental. Viver disso apenas traz infelicidade, traz a falsa esperança “se um dia”, “quando aquilo acontecer”, “porque no passado foi assim e não será diferente”.

Quanto lixo você carrega com você?

Muitas pessoas afirmam ser conscientes. Eu às vezes digo às pessoas: “você deve ser consciente da sua realidade”. “mas eu sou consciente...” e outras admitem: “mas o que é ser consciente?”

Primeiro temos que aceitar que somos um espírito que está por um breve período encarnado em um corpo material e descartável aqui na terceira dimensão – Terra. Sem compreender isso você não precisa continuar lendo, porque só vai achar isso uma besteira. Essa compreensão é básica, porque significa que se somos um espírito e não pertencemos, não somos enraizados à terceira dimensão, não há porque ser apegado a ela! Para entender melhor: porque ser apegado a bens materiais, se sabe que não fará a mínima diferença quando morrer? Porque criar tanta confusão e guerra, com família, com seu parceiro, ou seja lá quem for, se você apenas está aqui de passagem? A vida aqui na Terra passa rapidamente e quando você vê, terá uma lista de coisas inacabadas, incompletas, mal resolvidas – o princípio do Karma que já comentei em outro artigo. E não posso deixar de falar de quem gosta de julgar também. Julgar pessoas é algo muito grave. Ninguém sabe de ninguém. Nem mesmo nossos pais nos conhecem a ponto de julgar nossas decisões. Em primeiro lugar, você se conhece? Você sabe quem realmente você é? Você sabe o que sente e o que pensa e sabia que existe grande diferença entre pensar e sentir? Já percebeu como muitas vezes seu sentimento te leva para um lado, mas sua mente para o outro? Então, praticamente, não podemos nem julgar a nós mesmos se não nos conhecemos! Porque provavelmente você dirá em determinada situação “eu farei tal coisa ou agirei de tal maneira”. E aí você vai lá e se contradiz com o que pensou de si mesmo.


Enfim, quando desencarnamos (morte do corpo físico), o espírito muitas vezes encontra-se fraco e contaminado pelo forte ego das nossas mentes. A pessoa que vive uma vida mental, material e com apegos, negatividade e ilusões, acredita em tudo isso tão fielmente, é tão enraizado que o espírito não consegue se libertar disso. Com um pouco de fé nessas horas e com a oração e ajuda espiritual o espírito então consegue receber ajuda e quando se libera do “lixo” e olha para todas suas experiências aqui na Terra... deve sofrer, pois foi escolha nossa como espírito encarnar aqui, com sua condição física, com sua família e tudo que você é. Viemos com um objetivo de vida claro e traçado, porém o velho “véu do esquecimento” não nos deixa ver isso. Mas aí que começo a falar do “aqui e agora” e da consciência.


Quero antes fazer um breve parêntese sobre minha opinião sobre 2012. Falam tanta baboseira por aí de fim de mundo e coisas do tipo. Segundo algumas informações que sei sobre espiritismo e xamanismo, 2012 é o marco da transformação do nosso planeta. Perceba que nos últimos anos as coisas vêm mudando cada vez mais rápido e as crianças de hoje são muito mais inteligentes que no passado. Falam então dos “ciclos” do nosso planeta. Esses ciclos têm seu auge em 2012. Há quem fale que as pessoas que não evoluírem espiritualmente até lá, não reencarnarão novamente aqui na Terra. Por isso acredito apenas que nosso planeta melhorará a partir de 2012 e não o fim do mundo.

Voltando ao assunto, o que lhe resta então quando você abandonar o passado e o futuro? Lhe sobrará apenas o agora! Sim... o exato segundo que está vivendo. Se você está lendo com atenção perceberá que você não tem outros pensamentos nesse exato momento. Então significa que não existe medo, preocupações, insegurança, etc. Por quê? Porque você está consciente. Ser consciente é você estar centrado em si mesmo. Significa estar em equilíbrio entre coração e mente. Quando me refiro a coração, quero dizer o Ser, é seu sentimento. Quando estamos em equilíbrio entre coração e mente e com certo desenvolvimento espiritual, então também desenvolvemos a intuição. A intuição permite você ver melhor aquilo que sente diferente da mente que julga o que sente. A mente sempre julgará, porque a mente é como um disco rígido. Ela guarda informações que você armazenou e entre elas, as crenças, por exemplo. A intuição funciona quando você dá espaço ao seu coração, quando você relaxa e entra em contato com a Existência. O desenvolvimento disso de dá de várias formas, entre as mais conhecidas a meditação. Mas nem vamos falar do que é meditação aqui. Enfim a intuição é um estado de fé e contato com Deus que permite você direcionar suas atitudes de forma consciente e tranqüila. Estar consciente significa agir sem medo, é ter confiança e sabedoria nas suas ações e ainda, é você agir com completude, sem deixar coisas mal resolvidas para traz.

O “AGORA” é só o que lhe resta e é o maior presente que você pode ter para sua vida. Você é responsável por tudo que você É e sente. Todos os acontecimentos da sua vida são gerados pelos seus pensamentos. Todas as suas limitações são resultados das crenças da sua mente. Não esqueça: a mente “mente”! A felicidade só virá quando você tiver consciência que você só pode agir no Agora e Ser no Agora. Pare de agir baseado no passado e nos julgamentos referentes a ele. Você tem limitações, defeitos? Todos tem e é escolha de cada um se liberar disso. No Agora nada disso existe. No agora apenas há o segundo presente onde você sente e escolhe o que quer Ser e fazer. A mente pode sim ser sua “auxiliar”. Confie, mas não precisa tentar colocar o dedo na tomada novamente, ela dá sim choque! Mas não aplique isso ao ser humano, porque somos únicos, diferentes uns dos outros e somos mutáveis; podemos mudar sempre que quisermos. Então dê mais tempo a você, se conheça mais, medite, ore, faça coisas que te façam bem e que desliguem a sua mente. Ame, apaixone-se, viva intensamente sem medo, confie! Comece a questionar a você mesmo. Seja positivo sempre, não importam as circunstâncias e viva no presente, Aqui e Agora!


Vinicius Casagrande Fornasier

3 comentários:

  1. Muito bom! Como falta essa consciência às pessoas...Abraço, Fabi!

    ResponderExcluir
  2. Lendo parece tudo tão simples...mas se libertar ñ é tarefa fácil (sei q nunca dissestes isso..hehe). D qualquer forma, queria t dizer q a cada leitura q faço dos teus textos, me sinto mais leve! Continue iluminando com tuas palavras nossos dias, menino! Bjo grande e sucesso agora e sempre!

    ResponderExcluir
  3. Muito bom o texto..realmente muitas pessoas passam a vida toda se culpando pelo passado ou estão sempre em busca de algo no futuro..e esquecem do mais importante viver a vida de verdade o agora...no meu ponto de vista devemos analisar um erro que cometemos no passado, procurar uma forma de não comete lo mais, dai por diante devemos esquecer este erro completamento e viver só com os novos conhecimentos que este erro nos ensinou.
    Quanto ao futuro vejo muito gente dizendo..”no meu futuro quero ser feliz”- pergunto- e agora você não é feliz por que?....
    Quanto aos bens matérias, tá tudo ai nesse texto...

    -------------O males do planeta derivam do “Amor do Homem pelo dinheiro e pelo poder”------está na hora de sermos senhores de nós mesmos...

    Forte abraço.

    ResponderExcluir